Ricardo Miranda Filho
A poesia é um estado de sentimento único, compreendido através da ação de vivê-la.
CapaCapa
Meu DiárioMeu Diário
TextosTextos
ÁudiosÁudios
E-booksE-books
FotosFotos
PerfilPerfil
Livros à VendaLivros à Venda
PrêmiosPrêmios
Livro de VisitasLivro de Visitas
ContatoContato
LinksLinks
Textos

O que te motiva a escrever?

Estive pensando muito a respeito sobre o assunto para uma crônica e cheguei a conclusão de que o assunto ideal seria falar sobre o que motiva alguém a gostar tanto de literatura e, consequentemente, de ler e escrever. Nota-se que o papel da literatura consegue nos dar um forte sensação de liberdade, imaginação e de viagem a cenários totalmente desconhecidos que, muitas vezes, não existem na vida real.
Cada um tem sua própria experiência com a literatura. Desde muito novo, comecei a gostar de ler, no entanto foi somente na adolescência que me inciei com a escrita literária, fato que me fez melhorar muito meu conhecimento sobre o assunto ao longo dos anos, e isto ainda me influenciou na minha escolha acadêmica e profissional quando escolhi o curso de Letras, graduando-me em 2015. A jornada literária foi longa e árdua, mas a literatura sempre ajuda a combater barreiras que existem ao longo de sua experiência. A vida humana sempre nos põe desafios, embora contribua com diversas filosofias e interpretações: por meio da literatura podemos ir da poesia à prosa, de Homero a Shakespeare; de Gregório de Matos e Vinicius e Drummond; de Bram Stoke a J.K. Rowlling; de Poe a Shelley ou Emily Brontë. 
A literatura e a escrita podem dar a quem as possui modo de transpor sentimentos, ficcionalizar algo ou mesmo de autoficcionalizar. Existe, por assim dizer, uma necessidade literária que deve colocar desde a tenra idade para que seja internalizada dentro de cada um de nós com objetivo de torná-la prazerosa e não obrigatória. O prazer vem com o tempo, mas a motivação é própria e individual a cada um. A literatura nos dá força, ânimo e contribui para ampliar nossa mente, o que nos ajuda a construir e definir caráter melhor, pois nos dá informações além-fronteira.
A sociedade e a época transforma a literatura por meio da existência e criação de comportamentos e costumes que vão delineando o modo de pensar e, consequentemente, a escrita. A cada nova era surgem novas motivações para e modos de se escrever determinado gênero literário. A literatura é isso: a exteriorização do seu, é um modo de vida que muitos desejam, mas que poucos valorizam. A literatura permanece intacta naqueles que tiram o melhor de si motivando-se e motivando seus leitores a uma oportunidade de viajar em diversos enredos e melhorarem suas reflexões e compreensão o mundo e seus diversos desdobramentos culturais (e literários). Motive-se. Escreva. Literalize-se.
Ricardo Miranda Filho
Enviado por Ricardo Miranda Filho em 11/10/2019
Alterado em 11/10/2019
Copyright © 2019. Todos os direitos reservados.
Você não pode copiar, exibir, distribuir, executar, criar obras derivadas nem fazer uso comercial desta obra sem a devida permissão do autor.


Comentários

Site do Escritor criado por Recanto das Letras